Ervas da Medicina Tradicional Chinesa contra Alzheimer

Ervas da Medicina Tradicional Chinesa promissoras contra Alzheimer
Também já se sabia que o chá verde protege contra Alzheimer e câncer - milenarmente usado no oriente, hoje o chá verde já se tornou de uso diário também no ocidente.
[Imagem: Wikimedia]

Saber milenar

Com diversos estudos confirmando a eficácia real de vários tratamentos da Medicina Tradicional Chinesa, uma equipe de pesquisadores da China e da Austrália decidiu ir buscar na fonte informações que possam ajudar a tratar uma doença crescente e para a qual a medicina ocidental ainda não tem tratamentos: a doença de Alzheimer.

Para isso, Charlie Xue e seus colegas fizeram uma pesquisa extensiva na "Enciclopédia da Medicina Tradicional Chinesa", que reúne textos clássicos e lista milhares de doenças, sintomas e as plantas usadas em seus tratamentos - não é uma enciclopédia no sentido editorial, mas um conjunto disperso de manuscritos históricos.

Foram encontradas 1498 citações de demência e problemas de memória associados à idade, semelhantes aos associados à doença de Alzheimer, em 277 manuscritos e livros escritos a partir do ano 363 D.C.

E, esta é a melhor notícia, foram encontrados vários ingredientes à base de plantas utilizadas há séculos para tratar essa perda de memória.

Plantas medicinais para Alzheimer

Os pesquisadores pegaram cinco das plantas medicinais identificadas e realizaram estudos experimentais que confirmaram que elas têm atividade biológica relevante para a doença de Alzheimer.

Embora as intervenções variem em nomenclatura, "cinco espécies aparecem consistentemente como ingredientes em múltiplas fórmulas para problemas de memória ligados à idade":

  • Poria cocos (Fu ling)
  • Polygala tenuifolia (Yuan zhi)
  • Rehmannia glutinosa (Sheng di huang)
  • Panax ginseng
  • Acorus (Shi chang pu)

Estes resultados iniciais acabam de ser publicados em um artigo na revista científica The Journal of Alternative and Complementary Medicine (DOI: 10.1089/acm.2016.0070), dando informações a outros pesquisadores para que esses compostos possam começar a ser utilizados em maior escala e melhor pesquisados em busca de tratamentos para Alzheimer.


Ver mais notícias sobre os temas:

Plantas Medicinais

Medicamentos Naturais

Neurociências

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.