26/03/2018

OPAS pede vacinação em massa contra sarampo nas Américas

Com informações da Agência Brasil

Volta do sarampo

A OPAS (Organização Pan-Americana da Saúde), braço latino-americano da OMS, está alertando os países das Américas a redobrar os esforços para vacinar suas populações contra o sarampo.

Reforçar a vigilância para detectar possíveis pacientes e implementar medidas para responder com rapidez a casos suspeitos também são medidas essenciais, disse a entidade.

O alerta veio depois da confirmação de casos de sarampo em nove países das Américas. Somente a Venezuela teve 885 casos, sendo 159 apenas este ano. Segundo a agência, 14 pessoas foram confirmadas com sarampo no Brasil e 13 nos Estados Unidos. Casos foram registrados também no Canadá, no México e no Peru.

O sarampo foi declarado eliminado das Américas em 2016, sendo que a região foi a primeira do mundo a eliminar o sarampo, a rubéola e a síndrome da rubéola congênita, graças a 22 anos de campanhas de vacinação em massa contra as três doenças.

Entretanto, devido aos novos casos de sarampo, que é altamente contagioso, a OPAS está pedindo novamente para que as duas doses da vacina MMR sejam aplicadas na população de todos os municípios das Américas.

Sarampo

O sarampo afeta principalmente crianças. É transmitido pelo ar e pelo contato com secreções de pessoas infectadas.

Entre os sintomas, estão febre alta e manchas avermelhadas pelo corpo, podendo causar sérias complicações como cegueira, encefalite, diarreia severa, infecções de ouvido e pneumonia.

 

Fonte: Diário da Saúde - www.diariodasaude.com.br

URL:  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Cópia para uso pessoal. Reprodução proibida.