13/05/2009

Acupuntura no pulso evita náuseas pós-cirúrgicas

Redação do Diário da Saúde
Acupuntura no pulso evita náuseas pós-cirúrgicas
[Imagem: JustCurious/Wikimedia Commons]

Náuseas e vômitos no pós-operatório

Cerca de 80% dos pacientes que passam por cirurgias experimentam náuseas e vômitos no pós-operatório, um efeito colateral da anestesia.

Mas a estimulação de um único ponto de acupuntura no punho dos pacientes pode ajudar a reduzir essas reações indesejadas e debilitantes, de acordo uma nova pesquisa que acaba de ser publicada no jornal médico The Cochrane Library.

O tratamento para as náuseas e vômitos pós-operatórios e pós-anestésicos é tipicamente feito com medicamentos antináusea (antieméticos). Contudo, essas medicações têm seus próprios efeitos colaterais, o que, juntamente com seu custo, tem levado a um crescente interesse no desenvolvimento de alternativas mais simples e não-invasivas para atenuar ou prevenir as reações.

Acupuntura contra náuseas e vômitos

O objetivo da pesquisa atual foi fazer uma revisão sistemática de toda a literatura médica para determinar se a estimulação do ponto de acupuntura do punho é uma opção eficaz.

A conclusão dos pesquisadores é que a estimulação do ponto do Pericárdio (P6) no pulso previne as náuseas e vômitos decorrentes da anestesia.

A estimulação do ponto P6 pode ocorrer por diferentes técnicas, como acupuntura ou acupressão. A acupuntura é feita com a penetração de finíssimas agulhas metálicas na pele em pontos definidos. A acupressão pode ser feita de várias formas como, por exemplo, usando uma faixa ou pulseira que pressione o ponto P6.

Liberando neurotransmissores

"Sob a estimulação do ponto de acupuntura, o sistema nervoso é ativado e avisa o cérebro para liberar certos compostos conhecidos como neurotransmissores, como a serotonina, dopamina ou endorfina," explica Lixing Lao, diretor do Centro de Medicina Integrada da Universidade de Maryland (EUA).

"Os neurotransmissores então bloqueiam os outros químicos que causam o mal-estar, as náuseas e os vômitos, neste caso, no sistema nervoso central. Desta forma o paciente não se sentirá enjoado," diz o médico.

10 métodos diferentes de estimulação

Lixing Lao e sua colega Anna Lee analisaram 40 pesquisas anteriores sobre o assunto, envolvendo 4.858 pacientes. A maioria das pesquisas envolvia indivíduos saudáveis passando por cirurgias eletivas sob anestesia geral.

Os estudos compararam a estimulação do acuponto P6 com placebo ou com os medicamentos tradicionais contra enjôos e vômitos pós-cirúrgicos.

As pesquisas analisaram 10 métodos diferentes de estimulação do ponto P6, incluindo acupuntura com agulhas, estimulação a laser, estimulação nervosa transcutânea e acupressura. Foram ainda comparadas cinco diferentes medicamentos antieméticos.

"Em termos gerais, os médicos e pacientes não têm conhecimento desse tipo de tratamento para prevenir vômitos e náuseas pós-operatórias," diz Anna. "Transformar as evidências dessa revisão em prática clínica vai levar tempo."

 

Fonte: Diário da Saúde - www.diariodasaude.com.br

URL:  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Cópia para uso pessoal. Reprodução proibida.