Óleo de lavanda combate infecções causadas por fungos

Óleo de lavanda combate infecções causadas por fungos
O óleo essencial de lavanda mostra um potente efeito antifúngico contra as cepas de fungos responsáveis por infecções comuns da pele e das unhas.
[Imagem: Mónica Zuzarte]

Antifúngicos

O óleo de lavanda é eficaz no combate à crescente incidência de infecções resistentes a antifúngicos.

A pesquisa, realizada na Universidade de Coimbra, em Portugal, foi publicada no Journal of Medical Microbiology.

O óleo essencial de lavanda mostrou um potente efeito antifúngico contra as cepas de fungos responsáveis por infecções comuns da pele e das unhas.

Dermatófitos e candidíase

Os cientistas usaram o óleo de lavanda destilado a partir da Lavandula viridis.

O óleo foi testado contra uma variedade de fungos patogênicos e se mostrou letal para uma grande variedade de cepas patogênicas que atacam a pele humana, conhecidos como dermatófitos, bem como para várias espécies de Candida albicans, fungo causador da candidíase.

Os dermatófitos causam infecções na pele, unhas e cabelos, uma vez que usam a queratina presente nesses tecidos para obter nutrientes. Eles são responsáveis por doenças como a micose pé de atleta e a dermatofitose e também podem levar a infecções do couro cabeludo e sob as unhas.

As várias espécies de Candida coexistem com a maioria dos indivíduos saudáveis sem causar problemas, mas podem causar candidíase mucocutânea - ou afta - em algumas pessoas.

Em pacientes imunocomprometidos, algumas espécies de Candida podem causar infecções graves se as células fúngicas entrarem na corrente sanguínea.

Óleo de lavanda

Atualmente, existem relativamente poucos tipos de drogas antifúngicas para o tratamento de infecções, e as que estão disponíveis muitas vezes têm efeitos colaterais.

Lígia Salgueiro e Eugénia Pinto, que conduziram este estudo, explicam porque novos fungicidas são urgentemente necessários:

"Nos últimos anos tem havido um aumento na incidência de doenças fúngicas, particularmente entre pacientes imunocomprometidos," afirmam elas em seu artigo. "Infelizmente, há também um aumento na resistência às drogas antifúngicas. Estudos realizados pelo nosso grupo e por outros mostraram que os óleos essenciais podem ser alternativas eficazes e baratas, com efeitos colaterais mínimos".

Os óleos essenciais destilados do gênero Lavandula (alfazema) já são amplamente utilizados em alimentos e na indústria de perfumes e cosméticos.

Estudos das atividades biológicas desses óleos demonstram propriedades sedativas e antiespasmódicas, além de serem potentes agentes antimicrobianos e antioxidantes.


Ver mais notícias sobre os temas:

Plantas Medicinais

Infecções

Medicamentos Naturais

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.