Câmera inspirada em borboletas revela câncer para cirurgião

Câmera inspirada em borboletas mostra células cancerosas brilhando
A câmera de baixo custo destaca as células cancerosas, que podem assim ser removidas mais facilmente pelo cirurgião.
[Imagem: Alex Jerez Roman/Jose Luis Vazquez]

Alvo brilhante

Imitando o intrincado sistema visual de uma borboleta, uma câmera inovadora dá aos cirurgiões tanto uma imagem colorida tradicional quanto uma imagem infravermelha, o que permite ver as células cancerosas destacadas de forma fluorescente mesmo sob os fortes holofotes cirúrgicos.

A nova câmera foi projetada para ajudar os cirurgiões a removerem todas as células cancerosas sem danificar o tecido saudável, tornando menos provável que o câncer se espalhe e reduzindo a necessidade de várias cirurgias.

"Em vez de juntar as lentes e sensores disponíveis comercialmente para construir uma câmera para cirurgia guiada por imagem, nós buscamos inspiração nos sistemas visuais da natureza. As borboletas [do gênero] morfo, cujos olhos contêm nanoestruturas que detectam informações multiespectrais, podem coletar informações tanto no infravermelho próximo quanto colorido, simultaneamente," contou Viktor Gruev, da Universidade de Illinois em Urbana-Champaign (EUA).

A equipe demonstrou que sua câmera bioinspirada oferece detecção de fluorescência muito sensível, podendo detectar tumores em animais e é útil para avaliar o estágio do câncer de mama em pessoas. E, pesando menos que uma pilha AA, ela pode ser fabricada por cerca de US$ 20.

"Durante a cirurgia, é imperativo que todo o tecido canceroso seja removido, e criamos uma plataforma de imageamento que pode ajudar os cirurgiões a fazer isso em qualquer hospital do mundo, porque ela é pequena, compacta e barata.

"Embora tenhamos lidado com o lado da instrumentação, marcadores fluorescentes voltados para o câncer e aprovados para uso em humanos serão necessários para que nossa tecnologia encontre ampla aplicação. Vários deles estão em testes clínicos no momento, por isso devemos ver progressos nessa área em breve," disse Gruev.


Ver mais notícias sobre os temas:

Equipamentos Médicos

Fotônica

Câncer

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2018 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.